Cauterização Capilar: o que é e como fazer?

Cauterização Capilar: o que é e como fazer?

Cauterização Capilar: para que serve? Esse processo que parece tão complicado é perfeito para quem está com os cabelos danificados, frizzados, precisando de mais brilho e disciplina! Ele ainda doa uma boa dose de reconstrução e muito fortalecimento capilar. Vamos descobrir mais sobre a Cauterização e aprender como fazer em seus cabelos? Vamos lá!


O que é cauterização capilar?


A Cauterização capilar é um tratamento com queratina que visa reconstruir os cabelos de forma profunda e “cicatrizar” as cutículas dos fios ao final do procedimento. Essas cutículas são como “escamas” que ficam na superfície da fibra capilar e são responsáveis pela proteção das camadas internas dos fios. Quando as cutículas não estão fechadas devidamente, os fios tendem a perder massa e nutrientes, enfraquecer, ficar com frizz, desidratado e pontas duplas. Para garantir que todas as proteínas depositadas nos cabelos não se desprendam e nem se percam com facilidade, a cauterização capilar entra em cena! Assim, os fios são restaurados e mantêm esse tratamento por muito mais tempo.

as cuticulas na cauterização

E como essa cicatrização acontece? Pela ação mecânica da escova e uma fonte de calor que ative o produto e fixe ele nos fios. Por isso que o efeito imediato de uma cauterização é a redução de frizz (veja dicas de como reduzir o frizz) e tratamento das pontas duplas, que ficam mais “coladinhas” após o procedimento. Maravilhoso, não é mesmo?


Cauterização capilar: para que serve?

A cauterização capilar é um tipo de tratamento feito, basicamente, com queratina como a estrela principal e com uma finalização caprichada com fonte de calor. Ela é altamente indicada para fios que estejam danificados e quebradiços devido à ação climática ou uso de químicas de transformação. Ela serve para:

  • fios fragilizados e/ou com danos;
  • fios com cutículas muito abertas;
  • cabelos que passaram por alisamentos e precisam prolongar o efeito entre uma química e outra;
  • fios que estejam ressecando com facilidade;
  • fios com muito frizz;
  • fios sem brilho / opacos.

Como fazer cauterização capilar caseira

Não é difícil fazer sua cauterização em casa mesmo! Existem no mercado kits prontos para cauterização, porém, é importante salientar que muitas vezes esses produtos podem conter químicas de transformação! Sim, existem kits de "cauterização" que são vendidos sob essa nomenclatura de maneira totalmente errônea. Sendo assim, atenção para não comprar um produto com ativo incompatível com possíveis químicas que você já tenha em seus fios.

É claro que, para não correr riscos, além dos kits prontos você também pode optar por uma cauterização com os produtos da sua confiança: um bom shampoo de limpeza profunda, queratina líquida (comum ou vegetal, como preferir), máscara de hidratação profunda e protetor térmico.

Confira um passo a passo bem simples que fizemos para te ajudar a fazer sua cauterização em casa mesmo!


Passo 1: Limpar!

Lave seus cabelos com um shampoo anti-resíduos (ou de limpeza profunda / shampoo detox) por duas vezes seguidas. Uma dica legal é dar um tempo de pausa de 5 minutinhos na segunda lavagem, para deixar o produto agir bem. Enxágue com água abundante até que não sobre nenhum resíduo do shampoo.

Depois da lavagem, retire o excesso de umidade com uma toalha bem macia e e algodão (os cabelos estarão bem “espigados” por causa do efeito do shampoo, não se preocupe, é essa a intenção).

Dica extra: o Shampoo Detox Abacaxi e Gengibre da Left Cosméticos, por exemplo, é uma ótima opção para cumprir esse passo com risco mínimo de quebras ou excesso de ressecamento. Pode apostar nele que o resultado é fantástico!

Cauteriação Capilar Passo a Passo 1 - Left Cosméticos

Passo 2: máscara!

Aplique a máscara de sua preferência (pode ser até máscara de hidratação, sem problemas). Passe o produto mecha a mecha e massageie bem os fios, com delicadeza, até sentir que a fibra absorveu devidamente o produto. Deixar agir de 5 a 20 minutos (dependendo da necessidade dos seus cabelos).

A máscara Banho de Cristal da Left Cosméticos, por exemplo, é perfeita para esse passo, já que ela tem um efeito condicionante muito bom e hidrata profundamente os fios, doando uma dose de restauração leve que fará toda a diferença no resultado.

Cauteriação Capilar Passo a Passo 2 - Left Cosméticos

Passo 3: Enxágue!

Sabemos que dá vontade de deixar um pouco de produto nos fios para “potencializar” o tratamento, mas aqui a dica é enxaguar bem para retirar completamente a máscara. Em seguida seque com uma toalha até que os fios fiquem enxutos, quase secos mesmo. Se quiser passar um jato morno / frio de secador, também pode. Mas não precisa secar 100%, tá?

Cauteriação Capilar Passo a Passo 3 - Left Cosméticos

Passo 4: Repondo as proteínas e aminoácidos!

Borrife queratina vegetal líquida por todo o comprimento dos fios, desde a raiz até às pontas e mecha a mecha, enluvando bem para que os cabelos absorvam o produto. Aqui o importante é deixar todas as mechas envolvidas pela quantidade exata de queratina, de maneira uniforme por todo o cabelo. Deixe agir por 15 minutos (ou pelo tempo indicado pelo fabricante na embalagem do produto). O grande pulo do gato é que a queratina não será enxaguada, ok?

Cauteriação Capilar Passo a Passo 4 - Left Cosméticos

Passo 5: Começando a cauterização em si!

Ainda com a queratina nos fios, comece a secar os cabelos com um secador em temperatura moderada. O uso de protetores térmicos está liberado (e é super indicado), principalmente se você tiver algum com fórmula reconstrutora termoativada (potencializa ainda mais o tratamento). O Liso de Bolso da Left é perfeito para essa etapa, mas se preferir, o Elixir Pérola também pode ser usado!

Cauteriação Capilar Passo a Passo 5 - Left Cosméticos

Passo 6: Finalizando e arrasando!

Com os cabelos já secos, é hora de passar a chapinha delicadamente nos cabelos em mechas bem finas. Mantenha a temperatura moderada no aparelho, nem muito quente (para não danificar e nem estragar o efeito do tratamento), nem muito fria (porque senão as cutículas não cauterizam). Essa é a etapa mais importante de todas pois é a chapinha que vai selar as cutículas após todo o procedimento e garantir a “cicatrização” das escamas, a fixação da queratina e dos aminoácidos que ela contém nos fios e a perfeita “colagem” das pontas, minimizando os danos nas hastes e reduzindo as pontas duplas, triplas, múltiplas, etc.

Cauteriação Capilar Passo a Passo 6 - Left Cosméticos

Como fazer durar a Cauterização por mais tempo?

Assim como a cauterização serve para prolongar, por exemplo, o efeito de químicas de alisamento, existem algumas formas de preservar os efeitos dela também. Isso é importante para que os fios estejam sempre alinhados e o espaço entre uma química e outra seja bem maior, evitando a exposição dos fios a esse tipo de agressão frequente.

Para isso, é importante que antes de fazer a cauterização você tenha uma rotina com um cronograma próprio para o seu tipo de fio.


Sempre use produtos que reponham a massa, os nutrientes e a água nos fios, de preferência, com fórmulas que visem os cuidados diários mesmo. A Left conta, por exemplo, com a linha Essenciale Reparo Absoluto e com a linha Essenciale SOS Recuperação Imediata, que agem recuperando os fios quimicamente tratados ou danificados de maneira diária, sem efeito rebote! Ambas são ótimas opções para cuidar dos fios pré e pós Cauterização, repondo proteínas e auxiliando no prolongamento do efeito.


Cauterização Capilar Profissional

As diferenças entre a cauterização capilar feita em casa e a feita no salão, basicamente, é o tipo de produto utilizado e a ação mecânica na hora de secar e pranchar, que sempre é muito mais caprichada quando feita da maneira correta e por uma boa profissional.

Os produtos profissionais para esse procedimento costumam ter fórmulas mais concentradas e que precisam de atenção e conhecimento técnico para a aplicação, sob risco de oferecer um resultado indesejado quando aplicado sem o devido cuidado.

Com o produto correto e com uma boa secagem e finalização, a cauterização tem um resultado muito mais fino e duradouro. Mas atente-se: converse com a profissional e informe-se sobre qual o produto utilizado, se contém químicas de transformação, se é compatível com alguma química que você tenha nos fios, etc. Afinal, queremos sair do salão com madeixas maravilhosas e sem risco de corte químico, certo?!


cauterização como fazer


Cauterização faz o cabelo crescer?

Sim, sabemos que você sempre vem atrás de diversas dicas para um bom crescimento capilar e, dando um ótimo spoiler, adiantamos que sim: a cauterização ajuda na integridade do fio para que ele cresça mais forte e íntegro, de maneira saudável.

Como já conversamos muito abertamente no nosso “Papo Reto Sobre Crescimento Capilar”, não existem mágicas para que o cabelo cresça de maneira muito acelerada ou anormal. O que existe é um conjunto de rotinas e bons hábitos que promovem o crescimento dos fios de maneira saudável, sem quebra, com pontas preservadas e, claro, muita beleza! Confira em nosso artigo e entenda cada passo dessa proposta de “Projeto Rapunzel”, que não apenas te ajuda a ter um cabelo maior e mais bonito, como também fará bem para a sua saúde em geral.


A Cauterização serve para queda de cabelo?

Da mesma forma que a cauterização ajuda na integridade e selagem dos fios por toda a haste e pontas, ela também promove uma limpeza profunda na raiz. Quando falamos da cauterização capilar em si, entendemos que ela vai ajudar na redução da quebra dos fios, mas esse passo da limpeza e purificação do couro cabeludo também é importante para manter a região saudável, com bulbos mais fortes e poros desobstruídos.

Então, mesmo que a técnica não seja originalmente voltada para essa finalidade, podemos dizer que ajuda a manter a saúde e integridade dos seus cabelos, para que quebrem menos e estejam mais brilhantes, selados, fortes e muito bonitos!


Então a cauterização capilar alisa o cabelo?

Já falamos que podemos encontrar no mercado produtos que se auto definem como “Cauterização”, porém, contém algum tipo de química de transformação. Mas quando feita com os produtos corretos e da maneira certa, a sensação de fios mais lisos é proveniente do alto poder de selagem das cutículas. Apenas isso!

Você pode notar, inclusive, que o efeito liso se perde após algumas lavagens. Então, se a sua intenção for apenas cuidar dos fios e mantê-los mais selados, com movimento e brilho, não se preocupe, pois você não perderá a forma dos fios!


Posso fazer cauterização em cabelo cacheado?

Se você é cacheada ou crespa, não tem problema: você também pode cauterizar! Fazendo da forma correta e utilizando os produtos certos, você obtém o melhor desse tratamento sem nem sombra de risco de perder seus cachinhos! Para isso, atente-se para:

  • o tipo de shampoo que utilizará para começar o processo todo;
  • o tipo de máscara hidratante;
  • a qualidade da queratina a ser utilizada;
  • a fórmula do protetor térmico que usará para pranchar.

Se você tiver aquele cacheador térmico (que é como uma “chapinha” que enrola os fios), você também pode utilizá-lo para finalizar. O importante é realmente selar e cauterizar as cutículas com uma fonte de calor direto. Se preferir, pode molhar os fios após 48 horas para reativar os cachos como de costume.


A Queratina e sua importância para a saúde capilar

O cabelo é naturalmente composto de queratina quase que em sua totalidade (cerca de 90% da constituição da fibra capilar). Essa proteína tão falada também faz parte da composição das nossas unhas e pele e contém cerca de 21 aminoácidos essenciais para o desenvolvimento e manutenção desses tecidos.

Quando falamos de cabelos, a queratina é a responsável pela força e pela elasticidade dos fios, também pela proteção e impermeabilização da fibra contra as agressões diárias de todas as origens (desde as climáticas, até os danos químicos). Dá pra entender o porquê dos tratamentos reconstrutores serem tão importantes, não é mesmo?

Se quiser saber mais sobre a Queratina, suas funções, composições e usos? Confira esse post especial que fizemos onde a estrela do tema é justamente ela!

E então: gostou de aprender mais sobre Cauterização? Já fez? Conte sua experiência para nós aqui nos comentários!

1 comentário

  • Eldimar Teixeira Dos Santos -

    amei a dica

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos Obrigatórios*

Os comentários devem ser aprovados antes de serem publicados